quinta-feira, 19 de maio de 2011

DECORAÇÃO: QUARTOS - ESTILO ORIENTAL

A maior frustração que carrego ao longo dos meus 24 anos e oito meses de casada reside no fato de não ter comprado um dormitório estilo oriental. Quando éramos jovens, tive oportunidade e vacilei...


Mas para quem tiver interessado...


A harmonização zen presente nos ambientes orientais acalma os ânimos e proporciona um clima de tranqüilidade e bem-estar.




O estilo oriental, por ser mais descontraído, com móveis mais baixos e próximos ao chão, permite que o casal se sinta mais confortável e relaxado. Atualmente se considerarmos que os espaços das casas e dos apartamentos estão consideravelmente reduzidos, a escolha de móveis em estilo oriental, parece ser uma boa opção e permite uma maior versatilidade.




O design oriental possui linhas retas, mais simples. Portanto, para um ambiente neste estilo, busque simplicidade. Os móveis próximos a esse ambiente devem ser mais baixos, para acompanhar a mesma linha de visão. Elementos naturais como o bambu e fibras combinam perfeitamente.



Podemos adaptar a casa a uma decoração oriental com pequenos princípios. Atraímos o bem-estar através da limpeza de informação visual, do conforto das fibras naturais, como futons e com o aproveitamento de espaços integrados à natureza.



Sobriedade, simplicidade e naturalidade são as 3 chaves da decoração japonesa. Trata-se de uma tendência que se resume principalmente em um aspecto minimalista. Se pretendemos decorar a nossa casa num estilo oriental, é necessário fazer desaparecer toda a desordem.



O interior japonês, por exemplo, é sóbrio e ordenado. As casas japonesas não estão obstruídas por muitos objetos decorativos. A diferença do modelo de decoração interior ocidental, a decoração japonesa privilegia a vida simples com os móveis essenciais. A característica principal da concepção japonesa dos interiores é a simplicidade e a pureza das coisas.



Se decidir por uma decoração com o estilo japonês, não poderá ter a casa cheia de móveis. Tente reproduzir toda a serenidade e a paz japonesa. Se possível, escolhe um ambiente que tenha uma grande janela onde entre luz e que possa ter uma bela vista.

Outras sugestões para quartos...























Concluindo, para realizar uma decoração estilo oriental, devemos conceber, aplicar e dispor o mínimo de objetos decorativos possíveis. Devemos colocá-los independentemente, com uma boa distancia entre eles de maneira que cada objeto possa ser apreciado por sua beleza. E sem esquecer que uma decoração japonesa correta dá um ambiente verdadeiramente único ligado com a natureza.

Com muita inveja "branca" de quem pode ter um quarto desses, desejo a todos um excelente final de quinta-feira.


Bjs.



PS: Na minha nova casa (ainda não inaugurada) marido escolheu a decoração do quarto. Muito bom gosto. Alguém arrisca um palpite do estilo?


5 comentários:

  1. Eu não me atrevo a arriscar em palpite de estilo de ninguém, quanto mais de marido...rsrsrsr...cabeça que às vezes ninguém entende...mas com jeitinho a gente entende.
    Mas quanto à decoração de Quarto Oriental, adorei, queria pelo menos um desses pra mim... pode ser o que tem o cachorro educadamente deitado no tapete e com a árvore (bambu) no teto... é tudo que eu preciso ao final de uma dia de trabalho...

    Sayonara...

    Rita Barroso

    http://blogdachickitabakana.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. SOU SUPER suspeita p falar de estilo oriental! amei todos os estilos, principalmente o primeiro e segundo! bjuss

    ResponderExcluir
  3. Olá meninas!!! Fico feliz por vcs terem gostado. Tb adorooooooo o estilo oriental. Contudo, já que marido não comprou a idéia do quarto oriental, me contentei em decorar apenas minha sala de trabalho. Melhor isso do que nada, não é mesmo?
    Bjs
    Simone

    ResponderExcluir
  4. eu adorei como sou descendente de japones vou dar mais uma apimentada no meu quarto ele ja e oriental so ki assim vou deixar ele mais lindo e fofo OBRIGADO

    ResponderExcluir
  5. Muito Legal, esse estilo oriental da um toque muito bom ao ambiente.

    ResponderExcluir

E aí, o que você me diz sobre isso...